Equipe Gestora
 
Diretora

Profª Fernanda Neves Castelli

Vice Diretora 

 Profª Renata Ap. Lopes

 Coordenadora Ens. Fund.II

 Profª Rosana Gavino Assan

 Coordenadora Ensino Médio

Profª Andréa Rinaldo

 

 

 

Horário de Funcionamento

Segunda à Sextas-feiras 

das 09h  as 16h 

Telefone: (11) 2296.4821

 

Compartilhar na mídia social

" A alegria do conhecimento não chega apenas no encontro do achado, mas faz parte do processo da busca. E ensinar e aprender não pode dar-se fora da procura, fora da boniteza e da alegria”.  Paulo Freire

MANEIRAS SIMPLES DE MOTIVAR OS ALUNOS

Alguns incentivos simples que podem motivar os alunos:

 

Independente da área, disciplina ou região em que estuda, qualquer aluno precisa de motivação para que seja bem-sucedido academicamente. Além dos fatores pessoais e profissionais, os estudantes também podem contar com o papel que o educador desempenha nas suas rotinas escolares para encontrar maior determinação e manter a disciplina.

Práticas que farão a diferença na motivação aos alunos ao longo do próximo semestre:

 

1.    Ofereça um sentimento de controle

A orientação de um professor é muito importante para que os objetivos de cada aula sejam cumpridos. Mesmo assim, os estudantes devem ter liberdade e algum controle da sua rotina para que não se sintam obrigados ou prisioneiros. Tais restrições apenas afastam os alunos do prazer da aprendizagem e dos seus benefícios.

2.    Defina os objetivos

Não saber quais são os objetivos de determinada tarefa ou conteúdo ensinado é uma fonte de frustração para os estudantes. Informá-los sobre a utilidade das teorias e dos trabalhos que realizam irá ajudá-los a entender que as notas não são a única coisa importante nos estudos.

 3.    Mudar o cenário

sala de aula é um bom ambiente para o ensino e a aprendizagem, mas a educação não deve ficar presa apenas aos muros das instituições. Passeios educativos ou até mesmo a troca de salas podem ajudar os estudantes sentirem-se mais focados.

  4.    Experiências variadas

Os alunos irão interessar-se por determinado conteúdo na medida em que forem estimulados por ele; portanto é importante oferecer diferentes experiências educacionais.

5   Competitividade positiva e equilibrada

A competição equilibrada e positiva em sala de aula não deve ser uma constante, mas o seu emprego casual também é uma alternativa para a motivação dos estudantes.

 6.    Fazer com que se sintam responsáveis

Muito do desinteresse dos estudantes pode estar relacionado com a falta de responsabilidade que estes sentem em relação aos seus estudos e ao futuro profissional que terão para si de acordo com os esforços acadêmicos.

 7.    Permitir trabalhos em grupo

trabalho em equipe traz maior movimento, interação e dinâmica entre os estudantes.

 8.    Encorajar a reflexão

Os estudantes desejam alcançar os objetivos acadêmicos, mas a maioria não sabe como conseguir o melhor de si mesmo para tal. Podemos ajudá-los nesta descoberta ao encorajar a reflexão e a análise pessoal das suas características e estilo de estudo.

9.    Ajudar aos alunos a encontra motivação interior

De nada adiantarão os nossos esforços se os alunos não se interessarem internamente por aquilo que é apresentado. É preciso que eles estejam motivados internamente para que possam expressar os seus esforços.

10.  Ajuda-os a controlar a ansiedade

Muitos alunos deixam-se controlar pelo medo e pela ansiedade em provas ou outros desafios acadêmicos e acabam por desistir mesmo antes de tentar. Ajudá-los a administrar essas emoções é necessário para que se possam desenvolver.

 11.  Determinar metas altas, mas alcançáveis

Incentivar os seus alunos a fazer o mínimo é o mesmo que deixá-los desistir. É importante que eles se sintam desafiados, mas ainda assim saibam que o objetivo pode ser alcançado com dedicação.

 12.  Ofereça feedback e oportunidades de evoluir

Devemos analisar e avaliar desempenho dos alunos de maneira construtiva, de maneira a que possam melhorar nas próximas oportunidades.

 13. Tornar as atividades divertidas
Há momentos para tudo, inclusive para a diversão e a dinâmica. Distribuir esse tipo de experiência ao longo da semana pode ajudar os seus alunos a ter mais ânimo durante as aulas.

 14. Ofereça oportunidades para o sucesso
Ao perceberem que poderão ser bem-sucedidos, os alunos estarão mais propensos a se dedicarem para obter o que desejam.

 Fonte:  http://noticias.universia.pt/destaque/noticia/2013/02/20/1005955/21-maneiras-simples-motivar-os-alunos.html#